Biocombustíveis Sólidos é tema de livro editado pela Embrapa e IFRN

A Embrapa Solos (Rio de Janeiro/RJ) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) lançam hoje (17/11/14), às 11 horas, na sede da Embrapa Solos, no Jardim Botânico, o livro "Biocombustíveis Sólidos – Fonte energética alternativa visando à recuperação de áreas degradadas e à conservação do Bioma Caatinga". A obra, que tem como Editor Técnico o pesquisador da Embrapa Solos Silvio Roberto de Lucena Tavares, parte do estudo da realidade da região do Baixo-Açu potiguar, uma das áreas com os piores índices de desenvolvimento humano do país, a qual se encontra em franco processo de desertificação.

Com base nessa realidade, o livro propõe a produção de biocombustíveis sólidos (briquetes e pellets) a partir de matérias-primas na maioria das vezes desperdiçadas e que possam ajudar a amenizar o impacto causado no meio ambiente por atividades humanas. Ainda desconhecidos pela maior parte da população brasileira, esses biocombustíveis já começaram a ser produzidos em larga escala em alguns estados do país, em especial nas regiões Sul e Sudeste.

De acordo com o Sílvio Tavares, o briquete é uma opção à lenha utilizada em fornos de padarias, pizzarias e na indústria cerâmica, que possui uma grande participação na economia do Rio Grande do Norte. Atualmente, a maior parte da lenha usada como fonte de energia é extraída da mata nativa, agravando o quadro de desertificação em vários pontos do Estado.

No caso do Baixo-Açu potiguar, o consumo de lenha e carvão vegetal nas residências, padarias, queijarias, churrascarias e, sobretudo, nas fábricas de cerâmica vermelha nos nove municípios do Baixo-Açu beneficiados pelo Projeto, foi estimado em 570.000 mil m³ ou 119.684,50 toneladas em 2012, o que equivale à devastação de uma área de 3.799,5 hectares ou 5.427,86 campos de futebol oficiais, gerando desertificação e degradação da caatinga potiguar.

"Biocombustíveis Sólidos — Fonte energética alternativa visando à recuperação de áreas degradadas e à conservação do Bioma Caatinga", tem edição de 1.000 exemplares com distribuição dirigida. O PDF da publicação estará disponível para download no site da Embrapa Soloswww.embrapa.br/solos – a partir do dia 18 de novembro de 2014.

Livro sobre Física do Solo também terá Festa de Lançamento

"Aplicação da Física do Solo em Análises Ambientais – Medição, Modelagem e Integração de Dados" é o nome do livro lançado em junho, em parceria pela Embrapa, Serviço Geológico do Brasil (CPRM) e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). A obra, em inglês, editada pela Springer, junta, em 20 capítulos, grandes cientistas da área.

No evento do dia 11 também acontecerá a festa de lançamento desta obra, que tem entre os editores os pesquisadores da Embrapa Solos Wenceslau Teixeira e Guilherme Donnagema.

"Aplicação da Física do Solo em Análises Ambientais – Medição, Modelagem e Integração de Dados" tem 507 páginas, e pode ser adquirido em www.springer.com/life sciences/agriculture/book/978-3-319-06012-5 com preço de 155 euros.

Anote na agenda

Lançamento do livro "Biocombustíveis Sólidos – Fonte energética alternativa visando à recuperação de áreas degradadas e à conservação do Bioma Caatinga"
Dia: 17 de novembro de 2014
Hora: 11 horas
Local: Embrapa Solos
Endereço: Rua Jardim Botânico, 1024 – Jardim Botânico – Rio de Janeiro/RJ

Mais informações:

Embrapa Solos
Telefone: (21) 2179-4507
SAC: www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Fonte: Embrapa Solos
Carlos Dias – Jornalista
Telefone: (21) 2179-4578

Marilia Estevão (IFRN) e Carlos Dias (Embrapa)