A Associação Nacional dos Confinadores (Assocon) abre a segunda temporada de aulas da Escola de Capacitação em Confinamento, entre os dias 21 e 25 de Fevereiro de 2011, na cidade de Rio Verde (GO), e traz uma programação com novidades que prometem agradar bastante ao público.

Na grade foram incluídas novas disciplinas com o intuito de ampliar a visão dos alunos para temas atuais ligados ao mercado da carne bovina, produção sustentável e normatização da cadeia produtiva no Brasil e no Mundo. As novas aulas serão incorporadas ao conteúdo técnico bastante abrangente do curso, todo ele preparado por especialistas de renome no mercado em parceria com a equipe técnica da Assocon.

Segundo Bruno Andrade, zootecnista da Assocon, é importante ressaltar que o curso tem destinação específica para a formação de funcionários, gestores de fazendas ou pessoas interessadas em iniciar na atividade de confinamento, ficando vetada a participação de profissionais liberais, representantes comerciais e/ou técnicos ligados a empresas fornecedoras de insumos e equipamentos. “Essa medida serve para que tenhamos o maior grau de aproveitamento sobre o objetivo principal do curso, além de afastar toda e qualquer conotação comercial”, destaca o especialista.

A respeito da continuidade do projeto da Escola de Capacitação em Confinamento Assocon, Bruno Andrade atribui ao fato do curso, iniciado em 2010, ter alcançado grande sucesso junto aos profissionais que atuam nos confinamentos. “A resposta do curso, ao longo das três edições realizadas no ano passado foi maravilhosa, com índices de aceitação altíssimos entre os mais de 150 inscritos”, destaca.

Outra novidade da segunda temporada está relacionada ao conteúdo prático das aulas, que antes incluía uma visita monitorada a uma unidade frigorífica local para acompanhamento do processo de abate e desossa, e agora ganha também uma visita monitorada a um confinamento importante em cada uma das regiões visitadas. “A Escola de Capacitação em Confinamento Assocon tem o intuito de repassar aos colaboradores dos confinamentos conhecimento sobre as principais técnicas empregadas na atividade, como: nutrição animal, operação e manutenção de máquinas e equipamentos, sanidade animal, identificação animal, gestão, manejo racional com o gado e planejamento do confinamento”, conclui Andrade.

Diversas empresas parceiras já estão confirmadas para ministrar palestras durante o curso em diversos temas ligados ao confinamento, como: Nutrição Animal – Connan, Minerthal e Novanis -, Sanidade – Rosenbuch e Pfizer -, Manejo Racional – Beckhauser -, Identificação Animal e Controle de Informações – Allflex -, além da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) e Sest/Senat.

A programação de aulas seguirá durante todo o primeiro semestre de 2011 com visitas já acertadas nas cidades de Araçatuba (SP), entre 21 e 25 de março; Rondonópolis (MT), de 18 a 22 de abril e Uberaba (MG), de 23 a 27 de maio. Esses municípios, além de Rio Verde, estão entre os principais pólos pecuaristas do país com rebanho somado de mais de 1 milhão de cabeças.

Para saber mais detalhes sobre a Escola de Capacitação em Confinamento acesse o site da Assocon: www.assocon.com.br ou pelo telefone (11) 3467-5366.

FONTE

Texto Assessoria de Comunicações
Bruno Nogueira – Jornalista
Telefone: (11) 2198-1888
bruno@textoassessoria.com.br

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.