Desde o dia primeiro de janeiro está valendo a lei complementar que atualiza a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa e traz 81 mudanças em relação ao projeto anterior. A chamada “universalização” do imposto supersimples, além de reunir impostos num único boleto e reduzir a burocracia, amplia o acesso do setor de serviços ao supersimples. Mais de 140 atividades de serviços podem agora aderir a este novo regime de tributação.

Veja este vídeo na TV AGROSOFT:

FONTE: Canal Futura

Compartilhe esta postagem nas redes sociais