Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Um estudo dinamarquês, divulgado em dezembro de 2017, mostrou que mulheres que fazem uso de contraceptivos hormonais possuem 20% mais chances de desenvolverem câncer de mama. Em entrevista à TV UFMG, a professora Ana Luiza Lunardi, da Faculdade de Medicina UFMG, esclarece os resultados da pesquisa e revela que o DIU de Cobre é uma das melhores alternativas para contracepção.

Fonte: TV UFMG

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O acesso à internet é um serviço que pode ser oferecido pela linha de telefone fixo, por cabeamento, pela transmissão sem fio, por sinal de rádio e até por satélite. A variedade de alternativas é positiva para o consumidor, mas causa muitas dúvidas sobre qual opção é a mais indicada para cada caso. Para ajudar nessa escolha, acompanhe as orientações de hoje do quadro Fica a Dica.

Fonte: TV Princesa Varginha

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O Brasil vai sediar no mês de março o 8º Fórum Mundial pela Água. Serão seis dias de debates com o objetivo de promover a conscientização, conservação e planejamento sobre a água. Para falar sobre o assunto, o Jornal da Câmara recebeu Fábio Toreta, diretor do movimento Awaken LOVE.

Fonte: TV Câmara São Paulo

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O primeiro leilão de atum do ano no mercado de peixe de Tsukiji – o maior do mundo, em Tóquio, no Japão, aconteceu nesta sexta-feira, como marca a tradição com preços exagerados, que chegaram aos 36,5 milhões de ienes (mais de R$ 1 milhão) por uma unidade.

Fonte: EFE Brasil

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O Cazaquistão tem ganhado cada vez mais reconhecimento no cenário geopolítico mundial como promotor da paz e do desarmamento nuclear, mas ainda é um grande desconhecido para o turismo internacional. Para fortalecê-lo, foi elaborado um projeto para mostrar ao mundo seu patrimônio e sua riqueza cultural. Situado no coração da Ásia Central, o Cazaquistão é o ponto de encontro de mais de 130 etnias, o que o torna um país multicultural, onde o passado e o presente se encontram, tornando-o uma verdadeira ponte entre a Europa e a Ásia.

Fonte: EFE Brasil

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
A falta de chuva na região de Bagé no Rio Grande do Sul está preocupando os produtores da região. Confira como fica o acumulado de chuva para todo o Brasil entre os dias 5 e 11 de janeiro de 2018.

Fonte: Climatempo Meteorologia

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Há algumas décadas, verdadeiras quadrilhas ganhavam dinheiro matando jacarés no Pantanal para vender o couro. Por conta da matança indiscriminada, a caça foi proibida e hoje o bicho está fora do risco de extinção e estima-se que mais de 200 milhões de animais estejam soltos no Pantanal e em outras regiões.

Fonte: SBT MS

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Serão 100 mil vagas com taxa de juro zero para estudantes mais carentes. As demais vagas terão juros variáveis, de acordo com os bancos. O financiamento terá prazo máximo de 14 anos e a faixa de renda para os interessados será ampliada para até cinco salários mínimos. O objetivo é garantir a sustentabilidade do programa, que, em 2016, teve um índice de inadimplência de 50% e gerou um rombo de R$ 32 bilhões.

Fonte: Jornalismo SBT

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Boletim de previsão do tempo para o dia 6 de janeiro de 2018, contendo informações sobre as imagens de satélite, previsão, temperatura mínima e máxima prevista e a tendência do tempo para os próximos dias.

Fonte: Climatempo Meteorologia

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O programa Meio Ambiente por Inteiro desta semana fala sobre a jabuticaba, uma fruta típica do Brasil. A cultura tem baixo impacto ambiental já que exige pouco ou nenhum uso de defensivo. A fruta adapta-se ao clima tropical e subtropical úmido e é encontrada tanto em regiões com temperatura média baixa, como o Rio Grande do Sul, como em regiões mais quentes como o Pará.

Fonte: Canal Meio Ambiente

Compartilhe esta postagem nas redes sociais