Texto produzido por Faemg

Produtores rurais de Arinos, Bonfinópolis de Minas e Urucuia, no noroeste mineiro, participaram das primeiras reuniões de sensibilização do programa Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) da Regional de Patos de Minas. Eles atuam na Bovinocultura de Leite e demonstraram forte interesse na iniciativa do Sistema Faemg/Senar Minas.

Turma em Arinos

“Os produtores receberam o Programa com muita expectativa e motivação. Pude perceber com clareza a confiança que eles têm no Sistema e estamos todos ansiosos para começar os trabalhos entre os meses de junho e julho”, revela o gerente regional do Senar Minas em Patos de Minas, Sérgio de Carvalho Coelho.

O ATeG é um modelo inédito de prestação de serviços de assistência técnica continuada, que se divide em cinco etapas: Diagnóstico Produtivo Individualizado, Planejamento Estratégico, Adequação Tecnológica, Capacitação Profissional Complementar e Avaliação Sistemática de Resultados.

Turma em Bonfinópolis

Cada técnico monitora e orienta o produtor individualmente, com a realização de visitas mensais a cada propriedade rural.

A duração é de quatro anos na área da Cafeicultura e de dois anos para as demais.

O Programa começou em Minas Gerais no ano de 2016, comtemplando a área da Cafeicultura e neste ano foi ampliado para sete cadeias: Apicultura, Avicultura, Bovinocultura de Leite, Fruticultura, Olericultura e Piscicultura. Na Regional de Patos de Minas, o ATeG vai envolver 21 cidades em quatro áreas: Avicultura, Bovinocultura de Leite, Cafeicultura e Piscicultura.

Turma em Urucuia

Compartilhe esta postagem nas redes sociais