Fonte: dw.com

O Ministério da Agricultura liberou o registro de 31 novos agrotóxicos no país. Entre os produtos, oito foram considerados extremamente tóxicos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A liberação dos defensivos agrícolas foi publicada nesta terça-feira (21/05) no Diário Oficial da União.

Alguns pedidos de liberação estavam em análise desde 2011. Com as últimas autorizações, nos primeiros meses de governo, o ministério da Agricultura já deferiu o registro de 169 agrotóxicos.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Cepea

Cepea, 17/5/2019 – A carne de frango – que é tradicionalmente a proteína mais consumida pelos brasileiros, devido ao menor preço frente aos das principais concorrentes – vem se encarecendo no mercado doméstico. Apesar disso, entre abril e a parcial de maio (até o dia 16), a valorização da carne suína foi ainda maior do que a do frango, ampliando a competitividade dessa proteína. Já em relação ao preço da carne bovina, que vem se mantendo estável, houve perda na competitividade. Segundo pesquisadores do Cepea, o movimento altista das cotações da carne de frango tem favorecido principalmente os exportadores.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Um vídeo com as principais informações sobre o entreposto móvel de pescado (EMP) foi lançado pela Embrapa Pesca e Aquicultura. A ideia é que os piscicultores obtenham mais detalhes sobre como funciona o EMP e como ele deve proceder para implementar o entreposto, que na prática funciona como um frigorífico móvel. A grande vantagem é que o produtor poderá transportar o EMP para lugares mais próximos da região onde os peixes são cultivados ou pescados.  

“O entreposto é absolutamente seguro.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Quais oportunidades do agro são mais interessantes para as startups investirem? A pergunta surgiu na primeira noite do festival Pint of Science 2019 em São Carlos, realizada segunda (20) no Onovolab e que discutiu “A ciência no campo: na vibe das agritechs”. O evento teve a participação das pesquisadoras Débora Milori, da Embrapa Instrumentação, Patrícia Menezes, da Embrapa Pecuária Sudeste, e Anielle Ranulfi, da startup Brasil Agritest.

Biotecnologia, controle biológico de pragas e agricultura digital foram algumas indicações apontadas por Débora.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais