Fonte: Embrapa

Setembro/2019 – 5ª Semana – Regiões Nordeste/Vale do Jequitinhonha e Centro-Oeste/Sudeste

Esta semana, o Prosa Rural apresenta algumas das práticas conservacionistas integradas em canaviais. O uso de práticas conservacionistas no setor canavieiro já é bem conhecido, mas a integração entre essas práticas é novidade. Essa integração garante produtividade e traz o benefício de reduzir impactos relativos às emissões de gases de efeito estufa no sistema canavieiro. Participam do programa as pesquisadoras da Embrapa Meio Ambiente, Nilza Patrícia Ramos e Marilia Folegatti.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Especialistas reunidos na Comissão de Meio Ambiente (CMA) do Senado Federal, na última quinta-feira (26), discutiram o alcance da Política Nacional de Mudança do Clima (Lei 12.187, de 2009) e afirmaram que o desmatamento no Brasil teve forte redução no período de 2005 a 2012.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

O XXV Congresso Mundial da União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal (IUFRO, na sigla em inglês) começou neste domingo, 29, em Curitiba, em cerimônia especial com o plantio de cinco novas araucárias, de três diferentes regiões do mundo. A solenidade foi realizada no Jardim Botânico da capital paranaense com a presença de diversas autoridades e participantes do congresso.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

“Árvores fora da floresta” (AFF ou, em inglês, TOFs – Trees outside forests) é um conceito usado em termos de classificação de uso/cobertura da terra no contexto da análise da paisagem. Ele se refere às árvores que ocorrem de forma isolada, localizadas em áreas definidas como não-floresta: espalhadas em campos e pastagens, áreas agrícolas, ao longo de estradas, ferrovias, rios, córregos ou ainda em usos urbanos, como árvores de rua e parques.

Para discutir a importância, definições e estratégias de avaliação para as TOFs, será realizada sessão técnica do XXV Congresso Mundial da Iufro, que acontece no dia 30 de setembro, das 15h30 às 17h30, na sala R14, asa 02.

Pesquisadores do Brasil, Nigéria, África do Sul, Gana, Alemanha, Holanda e Suécia participarão da sessão que será coordenada pela pesquisadora da Embrapa Florestas, Yeda Malheiros de Oliveira: “O interesse em TOFs cresceu nos últimos levantamentos da Forest Research Assessment, conduzida pelo FAO, e com relatórios de análise da paisagem dos últimos cinco anos em 234 países”, explica Oliveira.

Com isso, a proposta da sessão é trazer contribuições ao tema, avaliando os seguintes aspectos: TOFs em áreas urbanas (florestas urbanas e outras áreas); o papel das árvores nos sistemas agroflorestais; o papel e a importância dos TOFs em paisagens fragmentadas, sua avaliação por sensoriamento remoto; análise de paisagem incluindo TOFs como uma subclasse de mapeamento.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais