Fonte: Embrapa

Abertura da 16ª SNCT em Macapá será na Escola de Música Walquíria Lima, em 21/10, às 18h. 

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) no estado do Amapá este ano contará com apresentação de resultados de pesquisas da Embrapa, financiadas pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico dos Sistemas de Produção no Vale do Araguari (Prodetec), região central do estado.




Na sexta-feira, 25/10, das 8h às 18h, será realizado no Auditório Marabaixo, da Embrapa Amapá, em Macapá (AP), um seminário de avaliação final de 15 projetos apoiados pelo programa Prodetec, sendo 5 projetos executados por pesquisadores da Embrapa, abrangendo inovações para o manejo do cipó-titica, indicadores técnicos para bubalinocultura, ração experimental para cultivo de tambaqui, cultivo de mandioca e fruticultura.  

Diversas outras atividades de divulgação da produção científica local serão realizadas como parte desta 16ª SNCT, incluindo palestras, minicursos, oficinas, exposições e mesas-redondas. O evento é totalmente gratuito, aberto ao público em geral e realizado em diversos locais. As inscrições podem ser feitas até a segunda-feira, 21/10, no endereço www.snct.ap.gov.br. A programação ocorrerá simultaneamente nos municípios de Macapá, Santana, Mazagão, Oiapoque, Amapá, Laranjal do Jari e Porto Grande.

A cerimônia de abertura da SNCT 2019 no Amapá será realizada no dia 21 de outubro, segunda-feira, às 18h, no Centro de Educação Profissional de Música Walkíria Lima, no centro de Macapá. O tema da edição deste ano é “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”. Bioeconomia é o resultado de uma revolução de inovação na área das ciências biológicas relacionada à invenção, ao desenvolvimento e ao uso de produtos e processos biológicos nas áreas da biotecnologia industrial, da saúde humana e da produtividade agrícola e pecuária.

O palestrante da abertura é um dos atrativos do evento este ano: o professor Marcio Ferrari, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Ele é pós-doutor em ciências farmacêuticas, pela Universidade de São Paulo (USP), e possui experiência na área da bioeconomia, tema da edição deste ano da SNCT. Ferrari teve biografia publicada na 27ª edição da Who’s Who in the World (Quem é Quem no Mundo) no ano de 2010. Livro que fala sobre personalidades como ganhadores do prêmio Nobel, cientistas, inventores, autores, atletas, líderes políticos e religiosos que contribuíram significativamente no campo em que atuam para a sociedade e o mundo.

Pesquisas apoiadas pelo Programa Prodetec

Diversos estudos de equipes técnicas da Embrapa, da Universidade do Estado do Amapá (Ueap), da Universidade Federal do Amapá (Unifap) e do Instituto Estadual de Pesquisas Científicas e Tecnológicas (Iepa), têm lugar de destaque na programação na SNCT no Amapá. Trata-se do seminário organizado pela Fapeap, onde os pesquisadores responsáveis pelos projetos selecionados em editais públicos do Programa Prodetec compartilham os resultados das pesquisas interagindo com os públicos interessados. 

O Prodetec tem como foco a promoção de melhorias tecnológicas nos sistemas de produção agropecuária na região do Vale do Araguari. O programa é coordenado pela Fapeap, viabilizado com recursos repassados pela Empresa Ferreira Gomes Energia S/A como medida compensatória no processo de licenciamento ambiental para instalação da Usina Hidrelétrica Ferreira Gomes, localizada no rio Araguari, no Amapá. Este território vai da região central até o litoral do estado, abrangendo os municípios de Porto Grande, Ferreira Gomes e Cutias.

Seguindo o foco de desenvolver executar projetos com soluções de impactos e de baixo custo para a Unidade Geográfica Legal denominada região do Vale do Araguari, a Embrapa vai apresentar resultados de cinco pesquisas: “Sistema de Manejo do Cipó-titica no assentamento ”PA Nona Canaã – Bacia do Rio Araguari”, da pesquisadora Ana Claudia Lira Guedes; “Indicadores Técnicos para o manejo sustentável da bubalinocultura na bacia do Araguari”, da pesquisadora Ana Elisa Alvim Dias Montagner; “Avaliação do uso dos resíduos vegetais e de pescado na fabricação de rações experimentais para o cultivo de tambaqui no Estado do Amapá”, da pesquisadora Eliane Tie Oba Yoshioka: “Alternativa de manejo sustentável para a bubalinocultura na bacia do Araguari”, da pesquisadora Ana Elisa Alvim Dias Montagner; “Implantação e análise de unidades de referência tecnológica de mandioca e fruticultura no vale do Araguari”, do pesquisador Antonio Claudio Almeida de Carvalho.

A SNCT no Amapá é coordenada pela Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia (Setec) e tem como participantes a Universidade Federal do Amapá (Unifap), Universidade do Estado do Amapá (Ueap), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (Ifap), Instituto Estadual de Pesquisas Científicas e Tecnológicas (Iepa), Embrapa Amapá, Fundação de Amparo à Pesquisa do Amapá (Fapeap) e Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap). 

SERVIÇO:

Evento: 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT)

Período: 22, 23 e 25 de outubro de 2019

Cerimônia de abertura: 21 de outubro – às 18h no Escola de Música Walquíria Lima (Macapá)

Atividade: Seminário de avaliação dos projetos apoiados pelo Programa Prodetec.

Data: 25 de outubro de 2019 (sexta-feira)

Local: Embrapa Amapá – Auditório Marabaixo.

Horário: 8h às 18h. 

Clique aqui para assinar GRATUITAMENTE o Agrosoft e receber todos os dias no seu email as notícias em destaque.

Clique aqui para divulgar notícias e artigos no Agrosoft



Compartilhe esta postagem nas redes sociais