Fonte: Embrapa

Tanque rede em comunidade ribeirinha. Foto: Marcos Tucunduva

A viabilidade da criação de pirarucu em cativeiro por comunidades ribeirinhas será apresentada nesta quarta (20/11/19) na sede da Embrapa, em Belém. O evento marca o encerramento de projeto implantado na comunidade pesqueira da Ilha de São Miguel, no município de Santarém (PA).

No local, a equipe de pesquisa e a comunidade desenvolveram ações de criação em tanques rede, avaliação econômica da atividade, avaliação sensorial da carne do pescado e o perfil socioeconômico da comunidade.

De acordo com o pesquisador Marcos Tucunduva de Faria, a criação de pirarucu em cativeiro tem um potencial enorme para comunidades.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais