Fonte: Fapesp

Um aplicativo para otimizar a dose de anestesia ou analgesia usada durante intervenções experimentais em animais foi desenvolvido por um doutorando do Centro de Pesquisa em Obesidade e Comorbidades (OCRC), um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) financiado pela FAPESP na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Conduzido por Carlos Poblete e orientado pela professora Eliana de Araújo, da Faculdade de Enfermagem da Unicamp, o trabalho foi destaque no blog MIT App Inventor, plataforma de código aberto criada pelo Google e atualmente mantida pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT), dos Estados Unidos.

O app Labinsane usa a plataforma MIT App Inventor para implementar três protocolos diferentes.




Cada protocolo otimiza a dosagem necessária do medicamento de acordo com a finalidade do procedimento: para anestesia, analgesia ou indução ao diabetes do animal experimental. Dessa forma, os pesquisadores podem calcular de forma rápida e fácil as doses individuais para um grande número de animais, além de melhorar o protocolo de tratamento.

O Labinsane foi validado comparando o resultado gerado pelo aplicativo com o obtido a partir de formulações em planilha eletrônica. Desde a implementação do aplicativo em 2017, o Labinsane ajudou a reduzir de 20% para 1,5% as perdas com animais.

O aplicativo é gratuito e está disponível no Google Play.

Mais informações em: https://bit.ly/3ai4MT1.

FONTE

Agência FAPESP

Clique aqui para assinar GRATUITAMENTE o Agrosoft e receber todos os dias no seu email as notícias em destaque.

Clique aqui para divulgar notícias e artigos no Agrosoft



Compartilhe esta postagem nas redes sociais