Fonte: UOV

CLIQUE AQUI PARA VER MAIS DETALHES DO CURSO ONLINE PROCESSAMENTO MÍNIMO DE FRUTOS E HORTALIÇAS.

O Curso Online Processamento Mínimo de Frutos e Hortaliças, fornecido pela Universidade Online de Viçosa – UOV, é um guia completo para quem deseja adentrar nesse mercado ou aprimorar sua técnicas. O material aborda sobre a qualidade da matéria-prima, instalações necessárias à produção, higiene, sistemas de processamento e distribuição, equipamentos necessários, embalagem, armazenamento e comercialização, entre outros.

FICHA TÉCNICA:

  • Curso: Curso Online Processamento Mínimo de Frutos e Hortaliças
  • Modalidade: Ensino a Distância
  • Coordenação: Maria Isabel Fernandes Chitarra
  • Carga Horária: 40 horas
  • Série: Agroindústria – 45155
  • Realização: UOV – Universidade Online de Viçosa

Clique aqui para assinar GRATUITAMENTE o Agrosoft e receber todos os dias no seu email as notícias em destaque.

Clique aqui para divulgar notícias e artigos no Agrosoft



Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Junho/2020 – 2ª semana – Todas as Regiões

O Prosa Rural desta semana apresenta uma importante tecnologia para a conservação pós-colheita de frutos, em geral, e redução do desperdício. Trata-se da nanoemulsão de cera de carnaúba. Ao acompanhar o pesquisador Marcos David Ferreira, da Embrapa Instrumentação, o ouvinte vai saber que a conhecida cera de carnaúba agora conta com partículas ultrafinas – chamadas nanopartículas – capazes de preservar a qualidade e prolongar o tempo de vida dos frutos em cerca de 15 dias a mais, em comparação a outros revestimentos.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Fapesp

capa.jpg

Agência FAPESP – O Congresso Brasileiro Digital de Geotecnia e Meio Ambiente (CBDGeoMA), promovido pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e pela Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (EESC-USP), será realizado on-line entre os dias 24 e 27 de junho de 2020.

O CBDGeoMA é o primeiro congresso digital de Geotecnia e Meio Ambiente do Brasil e tem como objetivo capacitar profissionais e estudantes da área durante o período de isolamento social.

A programação terá palestras, debates e interações entre profissionais e acadêmicos do Brasil e do exterior, da USP, da UFSCar, do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), das universidades federais do Rio de Janeiro (UFRJ), Brasília (UnB), Minas Gerais (UFMG), ABC (UFABC), Alagoas (Ufal), Paraná (UFPR), Pará (UFPA), Amazonas (Ufam) e Pelotas (UFPel), das universidades estaduais de Campinas (Unicamp), Paulista (Unesp) e de Maringá (UEM), Pontifícia Universidade Católica (PUC-Goiás), Uniararas, Instituto Mauá de Tecnologia, Universidad Peruana de Ciencias Aplicadas e Universidad de la República do Uruguai.

São aceitos trabalhos para apresentação nas sessões temáticas de Geotecnia e Meio Ambiente.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Fapesp

Pós-doutorado em produção animal no Instituto de Zootecnia

Vaga é oferecida no Centro de Pesquisa de Bovinos de Leite para doutores com experiência na realização de análises microbiológicas e de biologia molecular (foto: Instituto de Zootecnia)

Agência FAPESP – O Plano de desenvolvimento institucional de pesquisa do Instituto de Zootecnia, apoiado pela FAPESP, dispõe de uma Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

O Sistema Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) tem como principal diferença permitir ao homem do campo poder realizar uma produção maior e mais diversificada de maneira econômica, social e ambientalmente sustentável.

É o caso da Fazenda Santa Barbara, de 48 hectares, localizada no município de Quirinópolis de Goiás, a 272 km de Goiânia, onde vive José Ferreira Pinto, mais conhecido como ‘Nego’.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais