Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 2ª Semana – Região Centro-Oeste/Sudeste

O Prosa Rural desta semana fala sobre o manejo de árvores em sistemas integrados de produção. Quando o pecuarista decide implantar árvores no sistema, ele precisa ter alguns cuidados, como fazer a desrama e o desbaste. Quatro entrevistados falam sobre o tema: o pesquisador José Ricardo Pezzopane, da Embrapa Pecuária Sudeste, de São Carlos; os técnicos José Henrique Bazani e Felipe Melhado, os dois do interior de São Paulo; e o produtor Bruno Cardoso.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 2ª Semana – Região Nordeste/Vale do Jequitinhonha

O Prosa Rural desta semana fala sobre o Biosemeie, um aplicativo de celular desenvolvido pela Embrapa para facilitar a rotina das casas de sementes. O aplicativo facilita o cadastro de estoque, além de possibilitar o intercâmbio de material entre as diferentes casas de sementes e contribuir para a preservação do conhecimento tradicional. Um dos convidados do programa é o criador do aplicativo Biosemeie, o pesquisador Raimundo Lobo, da Embrapa Caprinos e Ovinos.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 2ª semana – Região Norte

O Prosa Rural desta semana fala sobre a utilização da soja-hortaliça – a  BRS 267, como um alimento não convencional. Ao acompanhar o pesquisador Oscar Smiderle, da Embrapa Roraima, o ouvinte vai conhecer as características desta soja, aprender a cultivá-la e colhê-la, para que seja consumida fresca, em vagens ou em grãos. O programa aborda ainda aspectos do mercado da soja hortaliça e traz dicas culinárias sobre como preparar este alimento funcional.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 2ª semana – Região Sul

O Prosa Rural desta semana ensina como produzir a BRS Vitória em regiões de clima temperado. O ouvinte vai saber que esta cultivar de uva de mesa preta, sem sementes, com sabor aframboesado extremamente agradável foi desenvolvida inicialmente para o semiárido nordestino. Mas como chamou a atenção dos produtores das regiões mais frias, que também queriam produzi-la, o técnico Roque Zílio, da Embrapa Uva e Vinho, conta o que é preciso fazer para produzir a BRS Vitória no Sul do País.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Fapesp

Pós-doutorado em biomedicina na Faculdade de Medicina de Jundiaí

Vaga é destinada a candidato que tenha experiência em laboratório para estudo de arbovírus. Inscrição até 22 de julho (vírus zika; imagem: NIAD/NIH)

Agência FAPESP – O Projeto Temático “Infecção vertical pelo vírus Zika e suas repercussões na área materno-infantil” oferece uma oportunidade de pós-doutorado com bolsa da FAPESP.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: UOV

CLIQUE AQUI PARA VER MAIS DETALHES DO CURSO ONLINE PRODUÇÃO DE PÓLEN E GELEIA REAL.

Com o Curso Online Produção de Pólen e Geleia Real, oferecido pela Universidade Online de Viçosa – UOV, você recebe informações importantes sobre os produtos nobres das abelhas. Aprenderá também a produzir geleia real por puxada natural e usando cúpulas e enxertia. Obterá conhecimento sobre a colheita e processamento da geleia, quais serão os equipamentos e técnicas para produção de pólen e como é feito o manejo de colmeias e apiários.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Live debateu os desafios e perspectivas para pesquisa e inovação nessa região. Foto: Fernanda Diniz

O fortalecimento de ações de bioeconomia foi a solução apontada por especialistas da Embrapa para impulsionar o desenvolvimento sustentável da região amazônica. Em live realizada no canal da Empresa no YouTube no dia 03 de julho, assistida por mais de 170 pessoas, o secretário de Pesquisa e Desenvolvimento, Bruno Brasil; o pesquisador da Embrapa Acre Judson Valentim, o chefe-geral da Embrapa Amazônia Oriental, Adriano Venturieri, e a coordenadora do Projeto Integrado da Amazônia (PIAmz), Michelliny Bentes, ressaltaram o potencial dessa área da ciência para apoiar o desenvolvimento socioeconômico do bioma amazônico, a partir da prospecção de bioativos e outros insumos biológicos, gerando renda, emprego e melhores condições de vida para as comunidades locais.

A bioeconomia é uma das prioridades na gestão de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) da Embrapa e, dentro desse contexto, a Amazônia se destaca como primeiro cenário para a concentração de esforços.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Faemg

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) abriu na sexta (10/07/20) as inscrições para a quarta edição do CNA Jovem, programa de desenvolvimento de novas lideranças para o agro.

O programa gratuito tem o objetivo de apoiar o desenvolvimento de novas lideranças para enfrentar desafios e buscar inovações para a agropecuária brasileira em cinco áreas: institucional, sindical, político-partidária, empresarial e educacional.

Para se inscrever os participantes devem ter entre 22 e 30 anos, formação técnica ou superior completa e possuir algum vínculo com o setor agropecuário, como ser filho de produtor rural, atuar no meio rural ou possuir formação na área de ciências agrárias.

O programa foi reestruturado e traz novidades com etapas classificatórias e eliminatórias.

Para se inscrever e obter mais informações, veja o edital em: cnajovem.org.br

Clique aqui para assinar GRATUITAMENTE o Agrosoft e receber todos os dias no seu email as notícias em destaque.

Clique aqui para divulgar notícias e artigos no Agrosoft



Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

A Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas/BA), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, informa que disponibilizou, até o dia 15/07/20, formulário para manifestação de interesse de candidatos ao preenchimento de vagas para Bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) vinculadas a projetos da Embrapa.

As condições mínimas para manifestação de interesse são: ter nível médio completo e um currículo Lattes cadastrado e atualizado no CNPq.

O formulário vai gerar um banco de informações sobre os interessados que vai ser colocado à disposição dos coordenadores dos projetos contemplados com bolsas, que são os responsáveis pela indicação dos candidatos junto ao CNPq, para que selecionem candidatos conforme seu próprio julgamento e conveniência.

Não serão aceitas manifestações de interesse na forma presencial, apenas via formulário.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Divulgação -

Foto: Divulgação

A Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) renovou a acreditação do Laboratório de Qualidade do Leite (LQL) da Embrapa Gado de Leite. Essa é a terceira vez consecutiva que a acreditação é renovada.

Segundo o analista Anderson Christ, gestor do Laboratório, essa renovação consolida a confiança de produtores e laticínios pelos serviços prestados: “Ela vem num momento importante, de transformação do LQL.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Um profissional exemplar e uma pessoa de enorme coração, essa é a descrição quase unânime entre aqueles que conviveram com o jornalista Marcelino Ribeiro, que faleceu nesta segunda-feira 6 de Julho de 2020. Aos 58 anos, o analista da Embrapa Semiárido foi vítima de um infarto fulminante em casa, em Juazeiro (BA), onde vivia com a esposa. 

Marcelino atuava há mais de 25 na Embrapa, deixando um importante legado para a comunicação da ciência no Nordeste.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

A produtividade de sua lavoura está limitada pela compactação do solo? Será que o problema pode ser somente em uma parte da área? Não há outra forma de melhorar aos poucos a qualidade do solo? Se revolver o solo sem critério em pouco tempo, após a descompactação, o problema não voltaria? São muitos questionamentos que podem trazer dúvidas ao produtor rural.

Existem tecnologias para atingir patamares de 80 sacas/hectare, 90 sc/ha, 100 sc/ha, mas a compactação pode ser um entrave.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa


Evento será transmitido em múltiplas plataformas

Diante do ‘novo normal’ em tempos de pandemia e isolamento social, as discussões e intercâmbio de experiências sobre ILPF (Integração Lavoura – Pecuária – Floresta) no Nordeste acontecem em 2020 nos ambientes virtuais.

Especialistas da Embrapa participam, na quarta (15/07/20), da transmissão ao vivo ILPF no Nordeste: aprendizados e desafios, que acontece às 14 horas no canal da Embrapa no Youtube, com transmissão simultânea no site da Rede de Pesquisa e Inovação em Leite (RepiLeite), na página da Embrapa Gado de Leite no Facebook e no seu perfil no Instagram.

Compõem a bancada virtual os pesquisadores André Amaral, da Embrapa Solos (UEP Recife), João Henrique Zonta, da Embrapa Algodão, Rafael Dantas, da Embrapa Semiárido e Rafael Tonucci, da Embrapa Caprinos e Ovinos, além do técnico Samuel Souza, da Embrapa Tabuleiros Costeiros.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Receita das lavouras de São Paulo equivale a 11% do faturamento dos Cafés do Brasil estimado em R$ 29,02 bilhões para este ano

A receita bruta total dos Cafés do Brasil foi estimada em R$ 29,02 bilhões para o ano de 2020, tendo como referência os preços médios recebidos pelos produtores de janeiro a junho e a previsão da safra deste ano.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa


Live “Ciência e Biocombustíveis”. Foto: Divulgação

Promovida pela Embrapa Agroenergia, debate envolveu representantes da Unica, Ubrabio, Unicamp e MME

Uma reflexão sobre como a ciência pode contribuir para o estabelecimento do setor de biocombustíveis no país e para a consolidação da liderança brasileira no cenário internacional.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Cafés do tipo arábica representaram 63% das exportações em nível mundial e robustas 37% no período de outubro de 2019 a maio de 2020

As exportações de café, em nível mundial, no acumulado de oito meses seguidos, no período de outubro de 2019 a maio de 2020, totalizaram 83,81 milhões de sacas 60kg, volume físico que representa uma ligeira queda de 4,7%, se comparado com o mesmo período anterior, cujo volume exportado foi de 87,96 milhões de sacas. 

No mesmo período objeto deste comparativo, também em nível mundial, de outubro de 2019 a maio de 2020, vale destacar que as exportações dos cafés do tipo Suaves Colombianos atingiram 9,33 milhões de sacas, número que representou uma queda de 7,9%, e, ainda, que os cafés classificados como Outros Suaves diminuíram 7,4% ao somarem 16,58 milhões de sacas.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa


Duas proteínas bioinseticidas, inócuas para seres humanos e tóxicas para insetos, são expressas em toda a extensão da planta (foto ilustrativa)

• Nova variedade mostra ainda maior eficiência no controle da broca-da-cana, menor número de operações agrícolas e redução do custo de produção.

• Broca-da-cana (Diatraea saccharalis) causa prejuízos estimados em R$ 5 bilhões a cada safra e está presente em 100% das áreas de cultivo no Brasil.

• Ervas daninhas também são um problema grave e causam perdas de até 85% na cultura da cana.

• Para a transformação genética da cana BTRR, foram selecionados genes com liberdade de uso (FTO).

• Parceria com o setor produtivo levará variedade ao mercado.

Já estão em fase final os testes em campo da cana BtRR, variedade geneticamente modificada de cana-de-açúcar que une dois modos de ação para garantir resistência à broca-da-cana e ao herbicida comercial glifosato, usado no controle de plantas invasoras.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 1ª semana – Região Nordeste/Vale do Jequitinhonha e Região Centro-Oeste/Sudeste

O Prosa Rural desta semana, apresentado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG),  fala sobre tecnologias para a bananicultura em regiões secas, a partir do cultivo e evolução da bananicultura no Norte de Minas Gerais – região de clima semiárido. As pesquisadoras Polyanna Oliveira e Maria Geralda Vilela Rodrigues, ambas da EPAMIG, trazem para o programa as tecnologias que proporcionaram o desenvolvimento e a profissionalização da bananicultura no Norte mineiro, fazendo com que a região se tornasse uma produtora de destaque.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 1ª semana – Região Norte

O Prosa Rural desta semana apresenta a restauração produtiva de áreas na agricultura familiar amazônica, tema vinculado às ações do projeto Inovaflora, financiado pelo Fundo Amazônia e operacionalizado pelo BNDES.  A pesquisadora Michelliny Bentes, da Embrapa Amazônia Oriental, explica como e por que o agricultor deve recuperar suas áreas de preservação permanente, reserva legal e uso restrito, plantando espécies arbóreas nativas e frutíferas, para colher benefícios ambientais, econômicos e sociais.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Fonte: Embrapa

Julho/2020 – 1ª Semana – Região Sul

Esta semana o Prosa Rural traz para você um assunto interessante: o uso da altura de pastagem para a mitigação dos gases de efeito estufa.  A pecuária brasileira é sempre apontada como uma das atividades que mais emitem gases de efeito estufa  na atmosfera, contribuindo para o processo de mudanças climáticas.  Por outro lado, estudos desenvolvidos pela Embrapa e parceiros estão mostrando que a criação de gado pode contribuir para mitigar os gases de efeito estufa, desde que seja manejada de forma adequada.

Clique para saber mais…

Compartilhe esta postagem nas redes sociais